Uma presença francesa cada vez mais importante no Salão InnoTrans que ocorrerá em Berlim


Por ocasião da 10ª edição do InnoTrans, salão líder internacional em engenharia e transportes ferroviários, a França estará mais uma vez amplamente representada.

Salão InnoTrans

São efetivamente mais de 100 empresas que estarão expondo no Pavilhão França e outras 80 empresas como expositores individuais que completarão a representação francesa. Com uma área de 1.200 m² e distribuídos pelos três 3 halls, este pavilhão é organizado pela UBIFRANCE, Agência para o desenvolvimento internacional das empresas. Três expositores aproveitarão mais especificamente da notoriedade, patrocinando o pavilhão Ubifance: CENTRALP, especialista em eletrônica e softwares embarcados, SCOMA, projetista e fabricante de peças de segurança, bem como LEROY AUTOMATION, especializada em automatismo ferroviário.

Fer de France será parceira do pavilhão França nesta edição. Criada em 2012, a Fer de France é uma jovem estrutura que agrega todos os atores públicos e privados do setor ferroviário: poder público, autoridades organizadoras, operadoras do transporte de passageiros e cargas, gestores de infraestruturas, indústrias e empresas de engenharia. Seus membros são: Alstom, ARF Eurotunnel, FIF, GART, Ministério francês dos Transportes, RATP, RFF, SNCF, Syntec-Ingénierie e UTP. A Fer de France representa mais de 30 bilhões de faturamento ferroviário estimado e aproximadamente 340.000 postos de trabalho. A Fer de France é presidida desde 24 de setembro de 2013 por Pierre Mongin, também Presidente da RATP.

InnoTrans, evento bienal que ocorre na cidade de Berlim, associa tradicionalmente exposição ao ar livre, salão e convenção em uma área total de 140.000 m². Único em seu gênero, este evento seduz um número cada vez maior de visitantes de uma edição para outra. Em 2012, 2.515 expositores originários de 49 países, atraíram mais de 126.000 visitantes profissionais. O salão gerou um total de 1,8 bilhão de euros em transações em 2012. Este ano, o número de expositores do pavilhão França estará em alta de 11% em relação à edição anterior.

7 regiões francesas estarão representadas no pavilhão França: Alsácia, Borgonha, Centre, Pays de la Loire, Midi-Pyrénées, Nord-Pas-de-Calais e Picardie. As Câmaras de Comércio e Indústria da Alsácia e da Borgonha, a Agência de Promoção da região Centre, bem como os clusters presentes (Northern France Rail, Neopolia Rail, MecateamCluster, Mipyrail) darão um apanhado representativo da indústria ferroviária francesa. Os equipamentos presentes no pavilhão França englobarão todas as categorias da cadeia produtiva: Infraestrutura, material rodante, reforma de veículos, sistemas eletrônicos embarcados a bordo dos trens, componentes mecânicos para o material rodante, informações aos passageiros e emissão de bilhetes, empresas de transporte público de passageiros, engenharia e testing ferroviário.

A partir de agora, os profissionais estrangeiros já podem conhecer o incontestável know-how do segmento ferroviário francês que representa um polo de excelência e desfruta de uma notoriedade mundialmente reconhecida, através do portal de divulgação internacional da oferta ferroviária francesa: http://www.french-rail-industry.com. Desenvolvido em parceria com a Fer de France, este site em língua inglesa promove este setor de atividade como um todo, lista algumas realizações marcantes das empresas francesas no exterior, bem como os principais eventos do ano nos quais o setor estará presente. Uma página específica InnoTrans permitirá acessar a lista de expositores do pavilhão França, bem como sua localização. O site também é composto por uma vitrine dos atores franceses do segmento e permite aos executivos estrangeiros consultar o perfil das empresas francesas de sua escolha e contatá-las diretamente graças a um espaço dedicado aos contatos.

A especialização dos expositores franceses, suas competências tecnológicas e sua capacidade de inovação permitem que a indústria ferroviária francesa seja reconhecida internacionalmente e se posicione em 3º lugar em termos mundiais. Na Europa, o segmento ferroviário francês, que conta com 1.500 empresas e um faturamento de mais de 4 bilhões de euros – sendo 1/4 em exportações – ocupa o 2º lugar, atrás da Alemanha. As inovações francesas estarão presentes nos Halls 26b, 11.2 e 3.2. Não deixe de conhecê-las!

Portal Nacional de Seguros

Anúncios

Um comentário sobre “Uma presença francesa cada vez mais importante no Salão InnoTrans que ocorrerá em Berlim

  1. Adriano T Guimarães disse:

    AS CIAS FERROVIÁRIAS QUE DEVERIAM DESENVOLVER OS TRENS NO BRASIL, SÓ TEMOS ALGUMAS FÁBRICAS DE VAGÕES E DUAS MONTADORAS DE MÁQUINAS,ONDE A GE FICOU SÓ, POR MUITAS DÉCADAS, POR ENQUANTO É A CHINA E RUSSIA INTERESSADAS NAS FERROVIAS,VAMOS NO VERMELHAR OU
    A COLÔNIA EUROPÉIA ESTÁ AMARELANDO….VAMOS TER OS BRICS, VAI DAR PARA ENCARAR, AS FERROVIAS VÃO BOMBAR NO BRASIL….COM UM PARQUE INDUSTRIAL FABULOSO DE PEÇAS E SERVIÇOS….A CHANCE É AGORA…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s