Metrô CartelPriscilla Mendes

Na semana em que a oposição acusa governistas de fraudar as investigações da CPI da Petrobras, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) anunciou para esta quarta-feira (6) o início dos trabalhos da Comissão Mista Parlamentar de Inquérito (CPMI) destinada a investigar suposta prática de cartel em licitações do metrô de São Paulo durante governos do PSDB e do Distrito Federal (veja abaixo a lista de integrantes da comissão).

A CPMI do cartel foi criada formalmente em 7 de maio, mas desde então havida sido deixada de lado pelos parlamentares governistas, que são os autores do seu pedido de criação. Pouco tempo depois, o Congresso foi esvaziado com o início da Copa do Mundo e atualmente se encontra em “recesso branco” devido à campanha eleitoral.

Ainda que o Congresso permaneça esvaziado até outubro, os petistas pretendem instalar e dar início aos trabalhos da CPMI do metrô. As investigações poderão atingir o PSDB, partido que governava São Paulo na época das acusações e que tem o senador Aécio Neves (PSDB-MG) como adversário de Dilma Rousseff na disputa pela Presidência da República.

O pedido de criação da CPMI, já aprovado, prevê apuração de “fatos referentes à formação de cartel, corrupção de autoridades e outros ilícitos nos contratos, licitações, execução de obras e manutenção de linhas de trens e metrôs no estado de São Paulo e no Distrito Federal, com uso de recursos federais e em prejuízo na prestação do serviço público de transporte”.

Caberá ao senador Eduardo Suplicy, que é o mais idoso dos integrantes, abrir a primeira sessão, que está marcada para as 15h desta quarta. Em seguida, o colegiado deverá eleger o presidente, que por sua vez indica o relator.

A presidência do colegiado deverá ficar com um senador do PMDB cujo nome ainda não foi escolhido. Já a relatoria deverá ser entregue ao deputado Renato Simões (PT-SP). As duas CPIs da Petrobras que estão em funcionamento também são presididas por um senador peemedebista, Vital do Rêgo (PB), e têm petistas na relatoria.

O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), negou que a instalação da CPMI do metrô seja uma “revanche” às acusações que a CPI da Petrobras tem sofrido desde o final de semana, quando a revista “Veja” revelou um vídeo que indica que a presidente da Petrobras, Graça Foster, o ex-presidente José Sérgio Gabrielli e o ex-diretor da área internacional Nestor Cerveró tiveram acesso antecipado às perguntas dos parlamentares nos depoimentos que prestaram à comissão.

“Há muito que o PT em São Paulo tenta instaurar uma CPI sobre isso, e em nenhum momento o governo do PSDB permitiu que isso acontecesse”, justificou. O material que já está disponível para investigação, conforme o petista, é “bombástico”. “Há provas cabais envolvimento de autoridades públicas e cabe ao Senado investigar”, disse.

Costa justificou a demora de três meses entre a criação da CPMI do metrô e sua efetiva instalação pela falta de leitura dos nomes dos integrantes, uma das formalidades necessárias no processo de abertura de comissões de inquérito.

Veja quem são os titulares da CPMI do cartel do metrô de São Paulo:

Senadores:
Casildo Maldaner (PMDB)
Ivonete Dantas (PMDB)
Benedito de Lira (PP)
Walter Pinheiro (PT-BA)
Eduardo Suplicy (PT-SP)
Acir Gurgacz (PDT-RO)
Cyro Miranda (PSDB-GO)
Flexa Ribeiro (PSDB-PA)
Gim (PTB-DF)
Antonio Carlos Rodrigues (PR-SP)
Antonio Carlos Valadares (PSB-SE)
Ataídes Oliveira (PROS-TO)

Deputados:
Dr. Rosinha (PT-PR)
Renato Simões (PT-SP)
Alexandre Santos (PMDB-RJ)
José Priante (PMDB-PA)
Eduardo Sciarra (PSD-PR)
Guilherme Campos (PSD-SP)
Antonios Carlos Mendes Thame (PSDB-SP)
Luiz Fernando Faria (PP-MG)
Bilac Pinto (PR-MG)
Dr. Ubiali (PSB-SP)
Alexandre Leite (DEM-SP)
Wladimir Costa (SD-PA)
Eros Biondini (PTB-MG)
Delegado Protégenes (PCdoB-SP)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s