Maquinista do Trem Caipira pede demissão


Trem Caipira

Rodrigo Lima | Diário Web

O maquinista do Trem Caipira de Rio Preto Edson Joaquim de Almeida pediu ontem demissão do cargo. Contratado para realizar as duas primeiras viagens de inauguração da composição entre as estações ferroviárias da cidade até o distrito de Engenheiro Schmitt, ele afirmou que não recebia salário há três meses.

Almeida pilotou o trem na inauguração feita pelo ex-prefeito Edinho Araújo (PMDB) – em 2008 – e repetiu a dose com o prefeito Valdomiro Lopes (PSB) – neste ano. Ele disse que recebeu como autônomo o valor de R$ 3 mil no período em que o trem foi inaugurado. “Da época do Edinho nem recebi”, afirmou.

Com a sua saída, o maquinista afirmou que a administração enfrentará dificuldades para fazer o passeio turístico. Atualmente, o Trem Caipira não pode operar porque não possui autorização da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT). Almeida disse que é o único com treinamento da empresa responsável pela construção do equipamento.

“Tem de ter curso da ALL (América Latina Logística)”, disse Almeida, que também estava fazendo a manutenção do trem. O secretário de Desenvolvimento Econômico, Alex Carvalho, afirmou que vai contratar outro maquinista em breve. “Para contratar tem de ter concurso público. Tem muita gente aposentada. Não é por causa de maquinista que o trem não vai operar”, disse.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s