SuperVia conclui reforma das estações Saracuruna e Madureira


Intervenções proporcionam mais conforto nos deslocamentos dos passageiros

21_03_2014 Inicio de operacao do novo trem da Supervia

A SuperVia concluiu mais duas obras de melhorias das estações ferroviárias, que proporcionam mais conforto e acessibilidade aos passageiros em seus deslocamentos. Após quatro meses de intervenções, a estação Saracuruna está pronta para receber os cerca de 8 mil passageiros diários por meio de um novo acesso. A principal alteração foi a unificação do embarque em um espaço mais amplo e nivelado com a rua, facilitando a locomoção de todos, principalmente idosos e pessoas com mobilidade reduzida. A nova área de embarque conta com uma bilheteria de fácil acesso, além da reordenação e do aumento no número total de catracas de dez para 16. A estação também recebeu piso tátil, revitalização da iluminação, ampliação dos banheiros e nova comunicação visual. A praça, localizada em frente ao novo acesso, foi revitalizada e tornou-se um agradável espaço de convivência.

A estação Madureira também passou por obras de reforma e a primeira parte das intervenções já foi concluída. No local, foi feita a ampliação da área de embarque, reordenação e modernização da bilheteria, aumento no número de catracas de seis para 15, alargamento dos degraus da escada da plataforma 3, instalação de cobertura completa nas plataformas, ampliação dos banheiros, nova iluminação e comunicação visual. Até o fim do ano, a segunda parte das melhorias será concluída e a estação também contará com três elevadores e uma escada rolante. As mudanças já estão proporcionando mais conforto aos cerca de 42 mil passageiros que embarcam na estação todos os dias.

“Seguimos com o compromisso de revitalizar todo o sistema ferroviário para oferecer um serviço cada vez melhor aos nossos passageiros. Estamos realizando o maior processo de mudança já visto na história da ferrovia nos últimos 40 anos e a transformação inclui obras nas estações, alterações no planejamento operacional, renovação da frota, entre outras melhorias”, ressalta o presidente da SuperVia, Carlos José Cunha.

O programa de INVESTIMENTOS que está em curso no sistema ferroviário do Rio de Janeiro, resultado de uma parceria entre a SuperVia e o Governo do Estado, contempla a reforma de todas as estações. Fruto do investimento de R$ 376 milhões por parte da concessionária, até 2020 todas as estações receberão obras de modernização para oferecer instalações mais acessíveis e confortáveis. Recentemente, 14 estações já passaram por reformas e, atualmente, as intervenções se concentram nas estações São Cristóvão, Deodoro e Engenho de Dentro. As melhorias incluem a adaptação de bilheterias, instalação de elevadores, escadas rolantes, piso tátil, banheiros adaptados e rampas de acesso. Além dos padrões de acessibilidade adotados, a reforma também prevê a construção de cobertura nas passarelas e plataformas, recuperação dos pisos, nova comunicação visual e iluminação.

Flavia Trece | Portal Maxpress
flavia.trece@cdn.com.br
55 (21) 3626-3701
55 (21) 3626-3700 PABX

Estação da antiga Estrada de Ferro Sorocabana (EFS) pede socorro


Estação da antiga Estrada de Ferro Sorocabana (EFS)Há notícias que podem causar indignação ou tristeza, mas outras notícias podem provocar ao mesmo tempo as duas reações. A reportagem publicada pelo Cruzeiro do Sul com o título Prédio da Sorocabana sofre com o abandono, como manchete de primeira página na edição do último sábado, não foi selecionada por acaso. O prédio da estação da antiga Estrada de Ferro Sorocabana (EFS) é um dos principais marcos históricos, arquitetônicos e culturais da cidade. E está em estado de abandono.

Continuar lendo

Projeto de restauro da Estação Ferroviária de Mairinque é apresentado ao prefeito


Estação Ferroviária de Mairinque

Helena Ayoub Silva arquiteta e autora do projeto de restauração da Estação Ferroviária de Mairinque, esteve na tarde desta terça-feira, dia 10, na Prefeitura para apresentar ao prefeito Binho Merguizo sua proposta de intervenção no mais importante patrimônio histórico do município.

Continuar lendo

Arquitetos de São Paulo ganham concurso e vão restaurar Estação de Mairinque


São RoqueO escritório paulista Helena Ayoub Silva & Arquitetos Associados recebeu, na sede do Departamento São Paulo do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-SP), o prêmio de R$ 400 mil pelo projeto de restauro da Estação Ferroviária de Mairinque, a primeira construção em concreto armado no Brasil.

Continuar lendo

Vila de Paranapiacaba é opção de passeio


Vila de ParanapiacabaParanapiacaba é uma ótima opção de passeio para o período de férias para os moradores da região. Localizada a cerca de 30 km do Centro de Santo André, a Vila ferroviária construída por uma companhia inglesa no fim do século 19, é considerada patrimônio histórico nacional e oferece série de atividades relacionadas ao turismo cultural e ambiental.

Continuar lendo

Prefeitura e ALL não têm planos de reformar prédio da Estação de Brigadeiro Tobias


Brigadeiro TobiasA reforma da antiga estação ferroviária de Brigadeiro Tobias está longe de virar realidade. Tanto a Prefeitura de Sorocaba quanto a América Latina Logística (ALL) não possuem planos para revitalizar o prédio, construído há 85 anos. Atualmente, duas famílias usam o imóvel como moradia e a concessionária conseguiu na Justiça um mandado de reintegração de posse para retirar os invasores do local.

Continuar lendo